Voltar

Decorando móveis antigos.

postado em 8 de July de 2013 Blog Imob News Nenhum comentГЎrio

A restauração de móveis é vantajosa e a oportunidade de poder personalizar as peças pode ser extremamente interessante. Confira dicas de como pintar móveis antigos no post dessa semana.
A diferença entre um móvel velho e uma antiguidade é que neste último caso alguém se esforçou para manter todo o encanto da peça. Investir na reforma de móveis antigos pode ser muito mais barato e divertido do que parece, pois é possível personalizá-los com muito estilo e elegância, além de economizar uns bons trocados na compra de móveis novos.

moveis

Antes de iniciar a aplicação da primeira camada de tinta é indispensável retirar toda tinta velha, resíduos de cera e verniz. Esse passo é importantíssimo para a obtenção de um resultado final satisfatório.
A dica é começar pela a lavagem da peça com água e sabão. Em seguida deve ser aplicado um removedor de tinta, seguindo as instruções impressas na embalagem, e lembrando-se sempre, de usar avental, luvas e óculos enquanto estiver manuseando solventes. Depois é só deixar o produto agir por algumas horas e em seguida raspar a tinta antiga com o auxílio de uma espátula. Palhas de aço também podem ajudar a remover a tinta amolecida.
Depois de remover a tinta, é necessário lavar novamente o móvel para retirar todos os resquícios do removedor e da tinta velha e em seguida aguardar uma boa secagem. É normal que algumas madeiras escureçam após a lavagem, e o uso de água oxigenada ou outros produtos específicos auxiliam no clareamento do móvel, devendo ser aplicados com a peça ainda úmida.
Antes de iniciar a aplicação da tinta é preciso corrigir problemas como furos e imperfeições da madeira, que comprometem o visual da peça. É indicado utilizar uma massa de acabamento final, que pode ser encontrada em lojas de material para pintura.
A pasta deve ser aplicada com uma espátula e, logo em seguida, é necessário retirar todo o excesso. Depois é só aguardar a secagem e lixar a região com uma lixa bem delicada, para remover todas as irregularidades da superfície.
Existem, basicamente, duas opções de tinta que podem ser usadas na pintura de móveis. As tintas acrílicas são solúveis em água e são fabricadas com pigmentos em uma base de resina acrílica, com cobertura mais superficial e suave, enquanto as tintas esmaltes são fabricadas a partir de corantes em uma base de verniz, proporcionando cobertura mais intensa e profunda.
A escolha da tinta vai depender da proposta visual final. Se a ideia é realizar pátinas, satinês, decapês, aplicação de estêncil ou deixar um acabamento mais rústico, com um visual fosco-acetinado, a melhor escolha é a tinta acrílica.
As tintas esmalte são muito mais resistentes, porém a dificuldade de aplicação é maior, pois são necessárias várias demãos para um resultado satisfatório e o tempo de secagem é mais prolongado. É a escolha perfeita para quem procura por acabamento brilhante ou semi-brilho e deseja pintar peças escuras, com resíduos de tinta, laqueadas e até mesmo fórmicas.
A restauração de móveis antigos é vantajosa e a oportunidade de poder personalizar os móveis pode ser extremamente interessante. Seguindo as dicas fica muito mais fácil se aventurar na pintura de móveis antigos.

ComentГЎrios